CONTATO: valter.roberta.padulla@gmail.com

domingo, 22 de junho de 2014

TOPOGRAPHIE DES TERRORS - TOPOGRAFIA DO TRERROR EM BERLIM

TOPOGRAPHIE DES TERRORS - TOPOGRAFIA DO TRERROR EM BERLIM

Endereço: nº 8 da Prinz Albrecht Straße (estação kochstrasse)

Descrição de Imagem: Mapa das estações de Metrô que acessam a Topografia do Terror em Berlim
 Nossa opção foi de após a visita ao CHECKPOINT CHARLIE, seguirmos a pé até o local da Topografia do Terror.

Descrição de Imagem: Mapa de caminhada do Checkpoint Charlie até a Topografia do Terror


Trata-se do local onde estão as ruínas de onde era a sede da Gestapo, que foi bombardeada no fim da guerra. Ela mostra os horrores da guerra, contando com fotos e mapas dos campos de concentração, dos presos sendo levados nos trens de diversos países, inclusive da Polônia.
VIAGENS FAMILIA MORETTI PADULLA (BLOGSPOT)
Descrição da Imagem: Valter no acesso para a TOPOGRAFIA DO TERROR, em Berlim

A visitação é gratuita.

Em todo o local ainda existe parte original do muro.

VIAGENS FAMILIA MORETTI PADULLA (BLOGSPOT)
Descrição de Imagem: Valter e ao fundo, parte dos escombros da GUESTAPO e do MURO DE BERLIN

É um local onde, mesmo por alguns momentos, perdemos aquela sensação de alegria em estar viajando, conhecendo novos lugares, culturas, etc. Não tem como não se emocionar e até mesmo ficar triste ao ver tanta atrocidade que aconteceu de fato naquele local e durante a guerra.

Descrição de Imagem: Roberta no interior da Topografia do Terror
Descrição de Imagem: Interior da Topografia do Terror em Berlin

Neste local, foi onde estivemos mais em contato com o que restou do MURO DE BERLIM.



OUTRAS POSTAGENS DE NOSSA VIAGEM PELA ALEMANHA



BERLINER FERNSEHTURM - TORRE DE TV DE BERLIM

BERLINER FERNSEHTURM - TORRE DE TV DE BERLIM


Após passarmos pela BerlinerRathaus (sede do governo municipal de Berlim), seguimos para a BERLINER FERNSEHTURM - TORRE DE TV DE BERLIM, que fica cerca de 200m.

Descrição da Imagem: Mapa entre a Prefeitura de Berlim e a Torre de TV


Descrição de Imagem: Beta e ao fundo a Torre de TV

VÍDEO DO NOSSO PASSEIO NA
BERLINER FERNSEHTURM
(TORRE DE TV DE BERLIM)

                                   Clique na imagem acima e assista o nosso vídeo
    
Descrição de Imagem: Valter e ao fundo a Torre de TV de Berlim


Tivemos a sorte de quando chegamos à Torre de Tv a fila estava pequena.
Pagamos €11,00 por adulto. Ela fica aberta para visitação até a meia-noite. 

Descrição de Imagem: Guichê da Torre de Tv de Berlim

Descrição de Imagem: Lista de preços para subir na Torre de Tv de Berlim (em abril/2011)

Compramos nossos ingressos e nos dirigimos a fila para o elevador e aguardamos cerca de uns 15 minutos para acessarmo o elevador, mas por motivo de ser cerca de 09 horas da manhã e ter pouca gente.

Descrição de Imagem: Roberta mostrando o fôlder da Torre de Tv, enquanto aguarda na fila para passar a catraca  de acesso ao elevador.

Descrição de Imagem: Valter passando pela catraca de acesso ao elevador

Descrição de Imagem: Porta de acesso ao corredor do elevador da BERLINER FERNSEHTURM - TORRE DE TV DE BERLIM 
viagens familia moretti padulla
Descrição de Imagem: Corredor de acesso ao elevador da BERLINER FERNSEHTURM - TORRE DE TV DE BERLIM 

VIAGENS FAMILIA MORETTI PADULLA (BLOGSPOT)
Descrição de Imagem: Marcador do elevador da BERLINER FERNSEHTURM - TORRE DE TV DE BERLIM , que não indica o andar respectivo, mas os metros que se encontra do solo.


Primeiramente subimos até a plataforma fixa de visitantes (que não gira), onde já nos permite contemplar um panorama de 360º.

Descrição de Imagem: Valter na Plataforma fixa da Torre de Tv de Berlim e ao fundo o visual maravilhoso.


Descrição de Imagem: Roberta na Plataforma fixa da Torre de Tv de Berlim e ao fundo, a cidade de Berlim

Até aqui foi muito legal, mas queríamos acessar a Plataforma Giratória da Torre de TV, foi quando visualizamos uma escada e algumas pessoas subindo após falar com a moça do balcão de guarda volumes. Nos informamos e soubemos que para termos acesso a plataforma giratória (que é a parte que gira), teríamos que consumir algo no restaurante . Vimos primeiramente o cardápio e percebemos que o valor de um café da manhã simples compensaria a experiência. 

Subimos e recomendamos! Pagamos ao todo o valor de €21,50 que incluiu café com leite/capuccino, geléias, croissants, manteiga.

Descrição de Imagem: Roberta e Valter na Plataforma giratória da Torre de Tv de Berlim 

Descrição de Imagem: Nosso café da manhã na Plataforma giratória da Torre de Tv de Berlim 

Após o nosso maravilhoso e inesquecível café da manhã, descemos a Torre de Tv de Berlim, visitamos as lojas de souvenires, que ficam na galeria localizada no entorno da Torre.

Da torre de TV, seguimos para a estação Alexsanderplatz (menos de 50 m), para pegarmos o metrô rumo ao nosso próximo objetivo: CHECKPOINT CHARLIE.

 Descrição de Imagem: Mapa da Torre de Tv de Berlim até a estação do metrô

Dados sobre a Berliner Fernsehturm - Torre de Tv de Berlim

Berliner Fernsehturm é uma torre de televisão localizada no centro da cidade de Berlim, especificamente em Alexanderplatz. Construída entre 1965 e 1969 pela República Democrática Alemã (RDA), e que a usou como símbolo da Berlim governada pela RDA.

A torre é facilmente visível de todo o centro e de alguns bairros de Berlim e continua a ser um símbolo da cidade.

A torre tinha originalmente 365 metros, mas após a instalação da nova antena em 1990, a altura é de 368 metros agora. A Fernsehturm é a quarta maior estrutura sem apoios da Europa.

Existe uma plataforma para visitantes e um restaurante giratório no centro da esfera. A plataforma de visitantes está a uma altura de cerca de 204 m acima do solo e a visibilidade pode chegar a 42 km em dias claros.

O restaurante, que completa uma volta a cada 20 minutos, está a poucos metros acima da plataforma (originalmente ele girou uma vez por hora, a velocidade foi duplicada mais tarde, e triplicou em sequência após as reformas tardias na torre em 1990).

Dentro do eixo central há dois elevadores para trazer visitantes para a esfera da torre, levando 40 segundos para chegar. Não é acessível por escadas. Devido ao seu pequeno tamanho, há longas esperas na base da torre.

Quando o sol brilha sobre o telhado da cúpula de aço inoxidável da Fernsehturm, a reflexão geralmente aparece sob a forma de uma cruz. Os berlinenses imediatamente chamado a cruz luminosa de Rache des Papstes, ou "Papa's Revenge". Pelas mesmas razões, a estrutura foi também chamado de "St. Walter" (de Walter Ulbricht).




BERLINER RATHAUS - PREFEITURA DE BERLIM

BERLINER RATHAUS - PREFEITURA DE BERLIM

Continuando nossa caminhada por Berlim, saímos da LUSTGARDEN - JARDIM DAS DELÍCIAS (Berlim) e fomos até a Berliner Stadtschloss (Prefeitura) por cerca de 750m.


Descrição de Imagem: Mapa da catedral de Berlim até a Berliner Rathaus

Berliner Rathaus - o nome do edifício se refere ao design da fachada vermelha com tijolos.

Desde 1860, quando foi construída, esta tem sido a sede da prefeitura de Berlin, e seu formato, retangular com uma torre em estilo clássico no centro, é um mais conhecidos ícones da cidade.

Durante o período em que a cidade esteve dividida, ela serviu como sede do governo municipal de Berlin Oriental, mas após a unificação da cidade, ela voltou em 1991 a ser a única prefeitura da cidade.

Na praça existe uma fonte chamada Neptunbrunnen que foi construída em 1891 e seu local original era no Schlossplatz que em 1951  foi removida quando o ex- Berliner Stadtschloss (Berlin City Palace) foi demolido.

Depois de restaurado, o chafariz foi transferido em 1969 para sua atual localização entre St Mary's Church e o Rotes Rathaus .

Descrição da Imagem: Beta e ao fundo a Prefeitura de Berlim

BERLINER DOM - CATEDRAL DE BERLIM

BERLINER DOM - CATEDRAL DE BERLIM


Am Lustgarten, 10178 Berlin, Alemanha

Ainda no LUSTGARDEN - JARDIM DAS DELÍCIAS (Berlim), encontra-se o Berliner Dom ou Catedral de Berlim é a maior igreja protestante da cidade. Fundada por Wilhelm II da Prússia, está localizada na Ilha dos Museus e é vizinho do Berliner Stadtschloss (sede do governo municipal de Berlim).

Também encontra-se perto da Alexanderplatz, diante do Palácio Real de Berlim. Construída entre 1895 e 1905, seu estilo arquitetônico é o Neobarroco.

Durante a Segunda Guerra Mundial, a catedral foi severamente danificada pelos bombardeios, assim como a maioria dos edifícios berlinenses. Após uma série de reformas, reabriu as suas portas em 1993 e agora pode ser visitada em qualquer dia da semana. Os elementos de maior destaque são o órgão Sauer, os vitrais multicoloridos e o altar principal, que data de 1850 e foi herdado da anterior catedral.
Descrição da Imagem: Nosso registro da frente da Berliner Dom
A Berliner Dom, a maior e mais importante igreja protestante de Berlim, foi construída entre 1894 e 1905, mas a sua história se inicia muito antes.  
A história da catedral de Berlim se inicia  em 1465 quando a Capela St. Erasmus, pertencente ao recém-construído palácio real de Cölln,  foi elevada ao status de igreja colegiada ou “Domkirche” que era o termo usado na época para designar este tipo de igreja.
Em 1535, o príncipe-eleitor Joachim II começou a remodelar o prédio que abrigava a igreja Dominicana e que ficava ao sul do palácio, para ser a igreja da corte, movendo assim a “Domkirche” para este endereço. Com a conversão de Joachim II ao Protestantismo, a até então igreja católica foi transformada em protestante luterana. Como o prédio da igreja já estava bem degradado, Friedrich II ordenou em 1747 que um novo prédio fosse construído. Assim, baseada no projeto arquitetônico de Johann Boumann, foi construída entre 1747 e 1750 uma nova catedral em estilo barroco no local que hoje se encontra a Berliner Dom.
Cerca de 70 anos mais tarde, para celebrar a união das comunidades luteranas da Prússia, a catedral foi remodelada por dentro e por fora em estilo neoclássico pelo arquiteto Karl Friedrich Schinkel. Anos mais tarde, a família real achou que esta catedral era muito modesta e não representava bem a monarquia. Sob ordens do rei  Friedrich Wilhelm IV, foi decidido então que uma catedral mais imponente deveria ser construída. Assim a antiga catedral foi demolida e a construção da atual Berliner Dom se iniciou em 1894, sendo finalmente inaugurada em 27 de fevereiro de 1905. Projetada por Julius Raschdorff em estilo barroco com influência do renascimento italiano, a catedral com suas dimensões monumentais de 114 metros de comprimento, 73 metros de largura e 116 metros de altura acabou sendo comparada e considerada um contrapeso protestante para a Basílica de São Pedro no Vaticano.
Na Segunda Guerra Mundial, durante um ataque aéreo, a cúpula da catedral foi atingida por uma bomba de líquidos inflamáveis.  Devido ao difícil acesso, o fogo não pode ser controlado e toda a cúpula foi destruída. Partes da cúpula em chamas desabaram, alastrando assim o fogo pela catedral. Em 1953 um telhado temporário foi construído para cobrir a catedral e proteger o que restou do seu interior. Ficando em Berlim Oriental depois da divisão da cidade, a catedral só começou a ser reconstruída pelo governo da Alemanha Oriental em 1975 com a ajuda financeira da Igreja Protestante e da Alemanha Ocidental. Durante os trabalhos de reconstrução, o desenho original da catedral foi um pouco alterado, sendo o salão do memorial que ficava na asa norte demolido e a cúpula simplificada. A reconstrução da fachada ficou pronta em 1983 e no ano seguinte inicaram-se os trabalhos de restauração do interior, sendo a catedral reaberta solenemente em 06 de junho de 1993.
Cúpula por dentro da Catedral de Berlim (http://simplesmenteberlim.com/berliner-dom-catedral-de-berlim/)
A Berliner Dom pode ser visitada e sem dúvidas vale muito a pena, pois a catedral também é majestosa e belíssima por dentro, sendo ricamente decorada com relevos que ilustram histórias do Novo Testamento e importantes figuras da Reforma Protestante. Em seu interior encontra-se o maior órgão de tubos da Alemanha, tendo mais de 7.200 tubos, simplesmente uma obra de arte construída por Wilhelm Sauer. A catedral também abriga a cripta da família Hohenzollern contendo mais de noventa tumbas e sarcófagos, incluindo as do rei Friedrich I e da rainha Sophie Charlotte, que são ricamente trabalhadas.  A cúpula da catedral também pode ser acessada e os visitantes que subirem os 270 degraus serão recompensados com a vista deslumbrante que se tem de lá de cima.
A catedral é aberta à visitação de segunda a sábado, das 09:00 as 20:00hs e aos domingos e feriados, das 12:00 as 20:00hs. Nos meses de outubro a março, o horário de fechamento é as 19:00hs.
Endereço: Lustgarten 1 – Mitte, 10178 Berlim
Como Chegar:
S-Bahn: Linhas S5, S7 e S75, estaçãHackescher Markt
Ônibus: Linhas 100 e 200, parada Lustgarten; Linha TXL, parada Spandauer Str./Marienkirche
Bonde: Linhas M4, M5, M6, parada Spandauer Str./Marienkirche; Linha M1, parada S Hackescher Markt
Fonte: http://simplesmenteberlim.com/berliner-dom-catedral-de-berlim/

Não chegamos a entrar na Catedral de Berlim, apenas registramos as imagens de seu exterior, que é de uma arquitetura maravilhosa, cheia de detalhes.

Mas como nosso objetivo era chegar o quanto antes na BERLINER FERNSEHTURM- TORRE DE TV DE BERLIM.


Caminhamos da Catedral de Berlim até a Berliner Stadtschloss (Prefeitura) por cerca de 750m.

OUTRAS POSTAGENS DE NOSSA VIAGEM PELA ALEMANHA

LUSTGARDEN - JARDIM DAS DELÍCIAS (Berlim)

LUSTGARDEN - JARDIM DAS DELÍCIAS (Berlim) 

Em nossa caminhada por Berlim, após realizarmos a travessia do RIO SPREE, logo a frente encontramos o LUSTGARDEN - JARDIM DAS DELÍCIAS.

Am Lustgarten, 10178 Berlin, Alemanha




O Lustgarten ("Jardim das Delícias") é um parque na Museumsinsel (Ilha dos Museus), próximo ao sítio do antigo Berliner Stadtschloss (Palácio da Cidade de Berlim), ao qual pertencia originalmente.

A área do Lustgarten foi desenvolvido originalmente no século 16 como um jardim cozinha anexa ao Palácio , então a residência do eleito para governar Brandemburgo , o núcleo do mais tarde Reino da Prússia . Após a devastação da Alemanha durante a Guerra dos Trinta Anos , Berlim foi reconstruído por Friedrich Wilhelm (o grande eleitor) e sua esposa holandesa, Luise Henriette de Nassau .Foi Luise, com a ajuda de um engenheiro militar Johann Mauritz e um paisagista Michael Hanff , que, em 1646, converteu o ex-horta em um jardim formal, com fontes e caminhos geométricos, e lhe deu o nome atual.

Em vários momentos de sua história, o parque tem sido usado como um campo de parada, um lugar para manifestações de massa e um parque público.

Descrição da Imagem: Lustgarten na época da II Guerra Mundial


Descrição da Imagem: Lustgarten na época da II Guerra Mundial

Em 1713, Friedrich Wilhelm I tornou-se rei da Prússia e começou a converter a Prússia em um estado militarizado. Ele arrancou do jardim de sua avó e converteu o Lustgarten em um desfile chão coberto de areia: Pariser Platz , perto do Portão de Brandemburgo e Leipziger Platz também foram definidos como terras de parada neste momento. Em 1790, Friedrich Wilhelm II permitiu a Lustgarten para ser transformado novamente em um parque, mas durante a ocupação francesa de Berlim em 1806 Napoleão novamente perfurado tropas lá.


No início do século 19, o Reino alargada e cada vez mais rico da Prússia empreendeu grandes reconstruções de centro de Berlim. A, novo edifício clássico grande, o Museu Antigo , foi construída na extremidade norte-ocidental da Lustgarten pelo arquiteto principal, Karl Friedrich Schinkel , e entre 1826 e 1829, o Lustgarten foi redesenhado por Peter Joseph Lenné , com caminhos formais dividindo o estacionar em seis setores. A 13 metros de altura fonte no centro, operado por um motor a vapor, foi uma das maravilhas da época. Entre 1894 e 1905, a igreja protestante de idade no lado norte do parque foi substituída por um edifício muito maior, a Catedral de Berlim (em alemão, "Berliner Dom"), projetado por Julius Carl Raschdorff . Em 1871, a fonte foi substituída por uma grande estátua equestre de Friedrich Wilhelm III .

Durante os anos da República de Weimar , o Lustgarten foi frequentemente utilizado para manifestações políticas. Ossocialistas e os comunistas fizeram manifestações freqüentes lá. Em agosto de 1921, 500 mil pessoas se manifestaram contra a violência extremista de direita. Após o assassinato de ministro das Relações Exteriores Walther Rathenau , em Junho de 1922, 250 mil protestaram no Lustgarten. Em fevereiro de 1933, 200 mil pessoas se manifestaram contra o novo Partido Nazista regime de Adolf Hitler : a oposição pouco depois do público ao regime foi proibido. De acordo com os nazistas, o Lustgarten foi convertido em um site para manifestações de massa. Em 1934, foi pavimentada e a estátua equestre removido.Hitler dirigida manifestações de massa de até um milhão de pessoas de lá.
Até o final da Segunda Guerra Mundial , em 1945, o Lustgarten era um deserto sem caroço-bomba. República Democrática Alemã deixou pavimentação de Hitler no lugar, mas plantadas tílias em todo o desfile solo para reduzir o seu aspecto militarista. Toda a área foi renomeada Marx - Engels -Platz. Palácio da Cidade foi demolida e, mais tarde substituído pelo modernista Palácio da República por parte do site.
Um movimento para restaurar o Lustgarten ao seu antigo papel como um parque começou uma vez a Alemanha foireunificada em 1990 . Em 1997, o Senado de Berlim encomendou ao arquitecto paisagista Hans Loidl para redesenhar a área dentro do espírito de concepção e construção trabalho de Lenné começou em 1998. O Lustgarten agora possui fontes e é mais uma vez um parque no coração de uma Berlim reunificada.

Am Lustgarten, 10178 Berlin, Alemanha




Descrição de Imagem: Beta no Altes Museum que fica na Lustgarten

Do LUSTGARDEN - JARDIM DAS DELÍCIAS, seguimos nossa caminhada rumo a BERLINER FERNSEHTURM- TORRE DE TV DE BERLIM


OUTRAS POSTAGENS DE NOSSA VIAGEM PELA ALEMANHA